Plantas antropomorfizadas



Ilustrações de "Erbario", manuscrito italiano do século XV sobre plantas medicinais, representadas através de elementos como rostos humanos e animais fantásticos.


🐉 Na Idade Média se intensificaram os estudos sobre plantas e seus diversos usos. Alguns mosteiros, por exemplo, ficaram conhecidos como centros medicinais, onde eram elaborados remédios com plantas cultivadas em enormes e variadas hortas.


Os herbalistas exploravam o uso dessas plantas como forma de cura e de alimento, plantando ervas com propriedades medicinais e que traziam mais sabor para as comidas. Entre as plantas mais comuns da culinária medieval, estavam a sálvia, a mostarda, a salsa, a menta, a manjerona, o tomilho, endro, funcho e o anis.