A História do Tomate

Por mais italiano que soe, o tomate é nativo da região Andina e só ganhou as mesas europeias no século XV. De fato, vegetais de maneira geral eram pouco presentes nas receitas medievais até esse período - eram considerados alimentos de classe baixa, enquanto a elite mandava ver nas pomposas caças.


🍅 Com os portugueses e os espanhóis, chegaram das colônias (Américas, Índia e África), além do tomate, vegetais como milho, mandioca, batata, pimentão e berinjela – alguns deles emblemáticos em receitas europeias hoje. Por outro lado, como os viajantes da Era dos Descobrimentos não sabiam se encontrariam comida por estas bandas, encheram os porões dos navios com sementes e mudas para cultivar além mar, o que fez com que chegasse por aqui trigo, café, cana-de-açúcar, arroz, banana, laranja e por aí vai...

🖼️ Na foto, Natureza Morta com tomates, berinjelas e cebolas, do pintor espanhol Luis Egidio Meléndez, c. 1780.