A história da Pizza

Hoje é o dia nacional da Pizza. Pois é, mais uma daquelas datas marqueteiras inventadas, mas que, pelo menos, é uma boa desculpa para falar, comer e prestar homenagem a uma das comidas favoritas de muuuita gente. Só no Brasil cerca de 1 milhão de pizzas são consumidas por dia e, mais da metade disso só no estado de SP. Aparentemente SP é a segunda cidade que mais consome pizza no mundo, perdendo apenas para NYC. Mas a pizza, como era de se imaginar, surgiu em Nápoles, na Itália, por volta do século XVIII. Sua história, porém, começou bem antes disso. Diversos povos da antiguidade já consumiam uma massa chata, redonda e assada com diferentes coberturas: os gregos a cobriam com ervas e azeite, os persas usavam queijo e tâmaras e os fenícios carne e cebola. Mas a receita como a conhecemos hoje, foi criada para matar a fome dos diversos trabalhadores napolitanos, conhecidos por “lazzaroni”, que, por serem muitos e extremamente pobres, precisavam de algo barato, prático e rápido para comer. Assim, o prato ancestral caiu nas graças dos napolitanos, coberto com diferentes ingredientes, perfeito para qualquer hora do dia: do café da manhã ao jantar. Antes de ganhar fama pelo mundo, a pizza napolitana era coberta com alho, lardo, manjericão, algumas vezes com queijo caciocavallo, outras com anchovas, e muitas com tomate que, recém chegado das Américas, não fazia sucesso entre os gourmets da cidade, tornando-se barato e acessível. Por muito tempo, a pizza era mal vista entre a classe alta que a associava com os “lazzaroni”. Foi só com a unificação da Itália que isso mudou. Em 1889, os reis Humberto I e sua esposa, Margherita de Sabóia decidiram provar alguns dos pratos de seu povo, a fim de variar um pouco as receitas francesas que imperavam nos castelos da época. Assim, o pizzaiolo Raffaele Esposito preparou para os monarcas três pizzas diferentes: uma com lardo e caciocavallo, outra com anchovas e a terceira com tomate, mozzarella e manjericão. Não é difícil imaginar a preferida da rainha Margherita e, claro, com sua aprovação, a pizza ganhou rapidamente status, virando prato nacional do país e ganhando o mundo.


📸 Wardrobe Snacks, Kelsey McClellan e Michelle Maguire