A Cebola: Marina Abramovic

A Cebola, vídeo-performance de 1996 da artista Marina Abramovic, em que ela devora uma cebola crua, enquanto ouvimos sua voz declarando estar cansada de diversas coisas da vida, associando a dor física à auto-reflexão, ao auto-flagelo.

"Estou cansada de mudar de aviões, de esperar em salas de aeroportos, estações de ônibus e de trens. Estou cansada de passar por intermináveis controles de passaporte. De compras em shoppings, de decisões de carreiras, museus, galerias de arte, coquetéis intermináveis, de perambular com um copo d’água, fingindo estar interessada em conversar. Estou tão cansada dos meus ataques de enxaqueca, quartos de hotel, lençóis sujos, serviço de quarto, chamadas telefônicas de longa distância, filmes de TV ruins. Estou cansada de sempre me apaixonar pelo homem errado; cansada de ter vergonha do meu nariz ser muito grande, minha bunda ser muito grande; envergonhada com a guerra na Iugoslávia. Quero ir embora, para algum lugar longe, inacessível por telefone ou fax. Quero envelhecer, muito velha, para que nada mais importe. Eu quero entender e ver claramente o que está por trás de tudo isso. Eu quero não querer mais."


#marinaabramovic#theonion